O BLOG QUE FALA SÉRIO! fabriciomoreiraadv@gmail.com .

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

VEREADOR QUER REGULAMENTAR ACESSO A LAN HOUSE EM ICÓ

Resultado de imagem para eliseu amancio
ELISEU AMÂNCIO
O vereador Eliseu Amâncio(PMN), após encontro com lideranças comunitárias que desenvolvem atividades em defesa de Crianças e Adolescentes no Município de Icó, estará apresentando Projeto de Lei para regulamentar acessos a Lan Houses na cidade.

Segundo o parlamentar, o acesso sem cadastro dos usuários as redes mundiais de internet-computador, proporciona atualmente a liberdade exagerada para todo tipo de patrocínio ilícito, desde a pedofilia contra crianças e perfis falsos para extorquir cidadãos”.

O meu interesse é garantir segurança a todos, gerando conforto jurídico aos proprietários de lan houses, e evitando a exposição fácil de vítimas indefesas de bandidos que utilizam as redes sociais para todo tipo de crime, explicou Eliseu Amâncio.


O projeto obriga que o comerciante que é proprietário de lan houses, anote o nome completo dos usuários, verificando suas identidades, bem como registrando quais os computadores que eles utilizaram durante o dia.

"Em caso de suspeita de crimes, com essa organização das lan houses, a polícia judiciária chegará aos criminosos com maior agilidade e precisão", argumenta o vereador. 

Prefeito Roberto Cláudio sanciona a Lei do Silêncio

BLOG DO ROBERTO MOREIRA
O prefeito de Fortaleza, Roberto Cláudio (PDT), sancionou, na manhã desta quarta-feira, no Paço Municipal, a nova Lei do Silêncio, resultado amplo debate com diversos setores envolvidos com a temática e após aprovada em redação final. A nova Lei do Silêncio foi fruto da Comissão Especial Vida e Arte, instalada no dia 26 de julho pelo presidente da Câmara Municipal, Salmito Filho (PDT).
Presidida pelo vereador Dr. Eron (PP) e com relatoria do vereador Michel Lins (PPS), o colegiado ouviu diversos setores da área pública e da sociedade, tais como Agefis, Seuma, Ministério Público, Sindicato dos Músicos, Abrasel, Ordem dos Músicos do Brasil, representantes das empresas promotoras de eventos e das casas de shows, dentre outros.
Falando no ato, o prefeito Roberto Cláudio ressaltou a importância dessa lei ter sido construída a várias mãos: “Quando uma lei nasce do anseio da população e é encampada por um coletivo, reunindo várias comissões, vereadores, entidades públicas e a sociedade civil organizada, torna-se o que há de melhor na legislação. As melhores leis nascem assim”.
Já o presidente da Comissão Vida e Arte, vereador Dr. Eron (PP), afirmou: “Estou muito feliz por ter participado da construção dessa lei, é um ganho para toda a cidade”. O relator Michel Lins (PPS) observou que todos ganham com essa revisão legal: “Temos que olhar para a música não só como diversão e cultura, mas também como desenvolvimento econômico para a cidade de Fortaleza e para nosso turismo em geral”.
DETALHE – Durante o evento, o pequeno Miguel, de apenas sete anos, filho do Vereador Michel Lins, tocou bateria, recebendo elogios dos presentes por sua performance musical.
(Foto – Divulgação)

Prefeitos do Ceará pedem apoio de Eunício para ações municipalistas


O presidente do Congresso Nacional, senador Eunício Oliveira (PMDB-CE), recebeu nesta terça-feira (21) o presidente da Associação dos Municípios do Estado do Ceará (APRECE), Gadyel Gonçalves, um grupo de prefeitos cearenses e o presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Roberto Ziulkoski. Na pauta do encontro, projetos de interesse municipais, como o veto 30/2017, que suspende pontos da lei 13.485/2017, que parcela e concede descontos às dívidas previdenciárias dos estados, do Distrito Federal e dos municípios.

O presidente Eunício colocou a matéria na pauta do Congresso e pretende analisá-la amanhã (22), em sessão do Congresso, marcada para as 17h. O parlamentar informou que busca junto ao governo e base aliada um entendimento sobre o assunto.

Os prefeitos ainda pediram apoio do senador para que, junto ao governo, ele possa reforçar a luta por um crédito extra emergencial para os municípios. Os gestores solicitam aporte de R$ 4 bilhões para que as prefeituras consigam organizar suas finanças até o final do ano.

De acordo com o prefeito de São Benedito e presidente da Aprece, Gadyel Gonçalves, muitas prefeituras estão com dificuldade de fechar suas folhas de pagamento e de pagar o 13º salário dos funcionários. Para ele, o esforço de Eunício para a derrubada do veto ao dispositivo que permitiu a redistribuição do ISS para o local do consumo, direcionando mais recursos para os municípios, sinaliza a dedicação do parlamentar em defender a pauta municipalista.

Viemos primeiramente agradecer por tudo que ele tem feito pelos municípios. A questão da derrubada do veto do ISS foi uma grande vitória para os municípios. Hoje enfrentamos um grande problema financeiro. Lá no nosso estado, a gente tem dados de que quase 50 municípios já não estão conseguindo colocar sua folha em dias. Por isso a gente tem procurado o presidente do senado e ele tem dado essa grande contribuição para os municípios, estamos saindo daqui otimistas”, disse.

O prefeito de Mombaça (CE), Ecildo Filho, também reconheceu a atuação de Eunício a favor da pauta municipalista. Para ele, as articulações e liderança do senador cearense tem viabilizado projetos importantes para as pequenas e médias cidades. “Senador tem ajudado muito os municípios do estado do Ceará, ele tem feito um trabalho sem olhar a cor partidária, e isso reflete nos investimentos que estão chegando no Ceará. Está chegando através de um recurso para a saúde, através dos cursos de medicina, através dos Institutos Federais de Ensino, através dessa questão do ministério da Integração que tem liberado muito recurso para o Ceará. Ele é o nosso maior parceiro e maior defensor da causa municipalista”, reconheceu.

Cursos de medicina

Durante o encontro, o presidente do Congresso confirmou que os cinco cursos de medicina anunciados pelo ministério da Educação no mês de agosto, estão confirmados para serem instalados nas cidades de Iguatu, Crateús, Itapipoca, Quixadá e Russas, todas no Ceará.

Os prefeitos de todo o país participam de uma grande mobilização, em Brasília, nesta terça e quarta-feira em busca de recursos para as cidades. Além de saírem em defesa da pauta municipalista no legislativo, eles também fazem reuniões com órgãos do executivo federal e agendaram uma reunião com a presidência da República, que ocorrerá amanhã de manhã.

(Do Roberto Moreira).

POETA MOACIR BRASIL PROMOVE MAIS UMA NOITADA DE VIOLA

A imagem pode conter: texto

O radialista e poeta, Moacir Brasil, estará promovendo no próximo dia 25 de novembro de 2017, às 20h, na sede da Casa de Câmara Cadeia no Largo do Théberge em Icó, a "12ª Noitada de Viola".  

Neste ano estarão se apresentando os poetas-repentistas Hipólito Moura, Jonas Bezerra e Antônio Hélio.

Marconiza Brasil está na coordenação do evento, que já faz parte do calendário oficial da cultura e tradições icoenses.     

Irracionais?

A imagem pode conter: céu, nuvem, atividades ao ar livre e natureza

Fico tentando entender como uma pessoa em sã consciência, consegue atravessar em uma motocicleta por cima da "Praça do Largo do Théberge", em alta velocidade em detrimento a idosos, jovens, adolescentes, que praticam cooper no local.

Além de crianças que brincam no Largo do Théberge em Icó.

Anotem as placas das motocicletas e passem à Gloriosa Polícia Militar, igualmente, à Secretaria Municipal de Segurança Pública e Cidadania, assento em nossa comarca.

Urge uma providência! E faz tempo!

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Célula de mediação de conflitos será implantada em Icó



A Vice-Governadoria do Estado do Ceará e o Município de Icó, estarão celebrando convênio para implantar nas escolas municipais icoenses, uma "Célula de Mediação de Conflitos".

A primeira formação para estudar, debater e implantar o núcleo, ocorreu na última semana, em Fortaleza, dos dias 6 a 10 de novembro de 2017, onde a Secretaria Municipal da Educação de Icó, enviou três técnicas para participarem do encontro, dentre elas, as professoras Francisca Jorge de Sousa, Gilmara Menezes Costa e a assistente social Efigênia Mota.

"Foi uma semana de muito conhecimento, onde saímos de lá trazendo na bagagem novos aprendizados e no coração a expectativa, a esperança de implantar a célula de mediação de conflitos e a construção da paz em nosso município de Icó", ressaltou a professora Gilmara Menezes Costa.

A formação aconteceu em Fortaleza e contou com a presença de vários municípios do Ceará.

DEUSIMAR E O SINAL VERMELHO!



Essa quem conta é Richard Lopes que adora Deusimar de Oliveira, nosso carrasco do tucunaré.

Ei-lo:

Deusimar de Oliveira, nosso vibrante radialista, iniciou novo trabalho, em caráter experimental, à época, na Lima-Campos-FM.

Empolgado, soltou a seguinte pérola:

- "Estou esperando apenas o sinal vermelho para começar a trabalhar com todo vapor".

Crítico, Lopes foi logo ligando:

- "Deusimar, vermelho é sinal de pare. Espere o verde que é melhor".

(Do livro de Causos do advogado e contista Fabrício Moreira da Costa).

Análise


A imagem pode conter: 1 pessoa

A discussão sobre a violência crescente em nossa federação, principalmente no Ceará, não se resolve apenas flexibilizando o "Estatudo do Desarmamento".

O tema é complexo, urgente, e se movimenta em várias áreas de nossa sociedade e da pirâmide social atual.

O atuante Deputado Estadual Aly Aguiar, jornalista que milita há décadas e conhece todos os bastidores desse espinhoso caminho, chamou os seus pares analisar o caos na segurança pública, que pasme, está banhando de lágrimas e sangue o nosso Ceará - Do Sertão à Capital.

Mas o discurso a ermo, as vezes levado para o viés partidário, diante do sofrimento da nossa gente, tem confundido a opinião pública acerca dessa temática.

Afinal, "o medo de um mal, pode nos conduzir a um mal maior".

Uni-vos, icoenses!

Falta-nos neste torrão amado do Icó, sertão resseguido do Vale do Salgado do Ceará, emprego e renda, já que nossas maiores fontes de renda - o turismo religioso, cultural e do patrimônio histórico urbano, ainda continuam totalmente adormecidas, apesar do esforço gigantesco de nossa Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Cultura, Ana Glesse e do apoio incondicional de nossa prefeita Laís Nunes.

Nossa secretária tem perfil extraordinário, capacidade de comunicação, e tem mente aberta para o mundo. Ana, pensa grande! Sabe fazer e acontecer, e tem compromisso, diga-se!

Porém, uma certeza inconteste da falência dessas indústrias do desenvolvimento em nossa sédula cidade, é a prova que após uma pane na Caixa Econômica, agência creditícia responsável pelo pagamento dos Servidores Públicos icoenses, por apenas 5 dias de atraso dos créditos dos funcionários municipais, este torrão parou. SURTOU!

E temos quase 70 mil habitantes. Servidores no caminho de 3 mil pessoas. Por analogia, parece, pelos relatos de fim do mundo, era como se toda comunidade fosse dependente do Palácio da Alforria e, dele, de alguma forma se locumpletasse.

O que é de todo lamentável, já que somos uma cidade tricentenária, e esperar apenas pelo poder público para fazer o Município se movimentar, é uma contradição do que se espera para o futuro de nossas gerações.

Deus seja louvado!

*Por Fabrício Moreira da Costa, advogado e contista.

CASTANHÃO ESTÁ QUASE SECO

A imagem pode conter: céu, nuvem e atividades ao ar livre

Seis anos de seca inclemente estão derrotando o maior açude público do país. Com 3,3% da capacidade, Castanhão atinge volume morto.

Onde havia água, vacas pastam. E o mato cresce. E é possível ver também parte dos escombros da cidade velha de Jaguaribara, antes submersos.

O Açude Castanhão, responsável pelo abastecimento de Fortaleza e Região Metropolitana, entrou no chamado volume morto, desde o dia 13 passado.

E foi confirmado pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (DNOCS) em nota.

E AGORA?
Com capacidade de 6,7 bilhões de metros cúbicos, o Açúde Castanhão cheio abastece Fortaleza, a Região Metropolitana e o Vale do Jaguaribe por três anos.

Encheu até a tampa em 2003 e 2004. E depois em 2009. Aí foi seca sem fim, sem reposição. E de lá para cá usamos a água sem economia. O resultado é dos mais dramáticos. O maior de todos os açudes está nos estertores, praticamente seco.

Para chegar à capital a água viaja por canais de integração, percorrendo 250 KM.

O pouquinho que resta acaba em Janeiro. 
VOLUME MORTO
Também chamado de reserva técnica – é a água que fica abaixo do nível da captação, e não foi programada para ser usada no dia a dia. Existe como “poupança” em caso de emergência. Não há separação física entre a água do volume morto e a do volume útil. É a mesma água, apenas num nível mais profundo.

FOTO 1
Castanhão seco (13.11.2017) by Kid Júnior
FOTO 2
Castanhão cheio (2009) 
Divulgação DNOCS

Texto do jornalista Cláudio Teran

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

*RESPEITEM O ICÓ, POR FAVOR!

A imagem pode conter: nuvem, céu, atividades ao ar livre e natureza

Alguns icoenses movidos por interesses contrariados e por desejos partidários que restaram “infelizes” através das urnas, nas eleições municipais de 2016, acham que o mundo todo presta, menos o Icó, cidade onde cotidianamente vivem.

Realmente, parece que é um vício doentio falar mal da nossa tricentenária cidade, onde sopram os ventos do Aracati e do Mossoró, ao bel prazer, simplesmente!.  

Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos, mas em Iguatu, Tauá, citando alguns exemplos, o povo de lá maximiza os positivos, enquanto neste torrão do Vale do Salgado, se eterniza os negativos, repita-se, sempre pela motivação e peleja partidária sem fim.

O palanque permanece em todos os quadrantes armado, bem como o anúncio de candidaturas precocemente lançadas em rádios, redes sociais, de deputado estadual a federal para 2018, e, até mesmo, uma dezena de vias políticas articulada ao Palácio da Alforria, dantes residência do nefasto Nogueira Acioly, oligarca nascido em Icó, que governou o Ceará entre 1896 e 1912 com apoio do governo federal.

E como essas candidaturas não têm musculatura própria, o caminho mais fácil é atacar o Palácio da Alforria com falsas e genéricas notícias, e por inconseqüência – igualmente, a busca frenética de quererem desqualificar a prefeita de todos os icoenses, ou da maioria, já que alguns poucos se negam a qualquer entendimento que busquem a civilidade.

Em Icó, na vida partidária, já fiz parte da bancada da oposição e situação; e quando estava distante do Palácio da Alforria, jamais emporcalhei o nome e imagem da nossa querida cidade, por algum sentimento ou interesse divergente pessoal ou coletivo, em detrimento a marca maior que é a Ribeira do Salgado dos Icós.

As fotografias das belezas naturais, do patrimônio histórico, cultural e religioso já as espalhei ao mundo em demasia, há décadas faço isso com o maior dos entusiasmos. E isso independe de quem é o prefeito ou a prefeita.   

As redes sociais é um campo fértil para a divulgação da discussão plural acerca de várias temáticas, mas a perversidade dos interesses contrariados de alguns poucos, que o diga o caso recente da pane no sistema técnico da Caixa Econômica Federal e, o pagamento dos Servidores Públicos de Icó, demonstraram o tanto quanto somos pobres de autoestima, responsabilidade, compromisso, palavras essas incendiadas por tocadores da teoria do caos de “quanto pior melhor”.

Procure semear otimismo! E nas eleições futuras, muito distantes ainda e que coisas boas ocorrerão até lá, o povo sábio saberá escolher e observar facilmente quem trabalha de verdade.

O povo saberá, pontualmente, apontar que plantou o caos e deseja tirar proveito dele.       

Finalmente, digo o que penso, com esperança! Penso no que faço, com fé! Faço o que devo fazer, com amor!

*Por Fabrício Moreira da Costa, advogado e contista.   

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Balachoca, o ex-assessor palaciano

Manoel Viana, conhecido por Balachoca, trabalhava com o ex-prefeito de Icó, de 2013 a 2016.

Carismático e querido por todo mundo, Manoel Viana também era político, e, como tal, também gostava de fazer "promessas".

Certo dia, em um restaurante de Icó, encontrou-se por acaso com o vereador Daniel do SAAE, que fazia oposição sistemática ao então prefeito icoense, que era candidato a reeleição, à época.

O vereador, já em clima pré-eleitoral, cuidou de pedir uns votos para Manoel, no seu intuito de reeleger-se.

E recebeu a resposta no ato:

- "Não posso ajudá-lo Daniel, porque você é da oposição ao meu prefeito; mas como você é gente boa, vou pedir a uma rapariga minha que tenho ali pra votar".

(Do livro de Causos do advogado e contista Fabrício Moreira da Costa).

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Pôr do sol no Centro Histórico de Icó é cenário do lançamento oficial do Festival ICOZEIRO 2017

Os últimos raios sertanejos no Centro Histórico da tombada cidade de Icó, o Largo do Théberge, vistos do Centro de Arte e Cultura Prefeito Aldo Marcozzi Monteiro [CACPAMM], no prédio da antiga Casa de Câmara e Cadeia.

No feriado desta quarta-feira [15] da Proclamação da República, este será o cenário de lançamento do VII Festival da Cultura Icoense - ICOZEIRO 2017, evento gratuito de artes integradas que acontecerá entre os dias 18 e 30 de dezembro deste ano e que recebeu na última edição, em 2016, público estimado em 22 mil pessoas. 

Denominado "Icozeiro Sunset - Celebrando a vida", o lançamento do VII Festival ICOZEIRO será realizado a partir das 16h, gratuitamente, na entrada recuada do prédio tombado pelo IPHAN e visa confraternizar artistas, público e produção do evento, além de anunciar a contagem regressiva de um mês para a maratona cultural. O público é convidado a ir de branco.


PROGRAMAÇÃOÀs 16h, no final da tarde, o Grupo Aliar abre a programação cultural, com uma mistura de MPB e Pop, em uma apresentação até as 17h.

A seguir, será a vez de um momento de reflexão, entre 17h e 18h, através de uma roda de conversa com a participação do curso de Bacharelado em História da Universidade Federal do Cariri [UFCA] e do Instituto de Estudos do Semiárido [IESA]. 

A professora Polliana Luna Barreto, da disciplina de Gestão do Patrimônio e da coordenação de Estágio do curso, mediará o debate sobre as ações realizadas pelas disciplinas de Estágio 1 e 2 na preparação e execução do Projeto Festival ICOZEIRO 2017, com a participação de dois estudantes estagiários e um membro da Associação AMICÓ / Festival ICOZEIRO.

A seguir, às 19h, as apresentações serão retomadas com o Pop/Rock, MPB e Gospel do cantor Genivan Lima e a música instrumental do Quinteto de Metais Ikós. 

Haverá exposição "Arte com Sustentabilidade", do professor César Holanda, e haverá espaço aberto para intervenções artísticas durante a programação.

O Icozeiro Sunset - Celebrando a vida é uma realização da Associação Filhos e Amigos de Icó [AMICÓ], entidade privada sem fins lucrativos com atuação cultural criada em 2010, e conta com o apoio logístico da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Cultura e Turismo de Icó.

FESTIVAL ICOZEIRO - Realizado desde 2011 no Centro de Arte e Cultura Prefeito Aldo Marcozzi Monteiro, no secular prédio da Antiga Casa de Câmara e Cadeia de Icó, o evento de artes integradas se consolida a cada ano e já recebeu um público total estimado em 75 mil pessoas nas seis edições realizadas.

O evento conta, anualmente, com diversificada programação, com a presença das linguagens de música, dança, circo, literatura, artesanato, comidas típicas, oficina, workhop, exposição e palestra.

Estão também presentes as ações paralelas, como o Troféu Louro Verde [pessoa física, pessoa jurídica e escola com atuação na questão ambiental] e o Concurso Literário Icoense [CLIC] poeta José de Oliveira Neto, que visa fomentar o fazer literário, além da Virada Cultural.

O Festival Icozeiro visa promover a integração e a valorização de todos os segmentos da cultura e da arte e estimular a criação e divulgação artístico/cultural em nosso município e dos municípios vizinhos.

O projeto-evento representou o Ceará e foi finalista do 30º Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade do Instituto de Patrimônio Histórico e Artístico Nacional [IPHAN], em 2017, na categoria IV - "excelência em gestão compartilhada do patrimônio".

* Com informações do VII Festival da Cultura Icoense - ICOZEIRO 2017 [Fotos: Divulgação].

(COPIADO DO ICÓ É NOTÍCIA).

Domingos Neto encaminha ofício a Temer e pede intervenção federal no Ceará

Resultado de imagem para domingos neto deputado

O Deputado Federal, Domingos Neto (PSD), encaminhou ofício na última terça-feira (14) ao presidente da Republica, Michel Temer, e ao ministro da Justiça, Torquato Jardim, solicitando intervenção federal no Estado, especialmente em Fortaleza. 

O apelo do deputado federal decorre a  situação de violência em que o Ceará se encontra se tornando insustentável.


“A violência se generalizou. Nós cidadãos estamos em pânico com as imagens de descontrole total da violência.  Os arrastões, assaltos e assassinatos estão ocorrendo sob a repugnante leniência e inoperância do Governo do Estado do Ceará. Como deputado federal, não posso me calar diante de tamanho absurdo”, explica Domingos Neto.

Na avaliação do parlamentar, diante da situação  de descontrole, a intervenção das forças federais, que inclui serviços de inteligência, vigilância e administração na segurança pública, pode resolver o problema. 

“Me entristeço em ver um dos principais destinos turísticos do país, nessa conjuntura. Ao mesmo tempo, tenho esperança que podemos contornar essa situação”, disse Domingos Neto.

Heitor Ferrer denuncia falta de insumos básicos em hospitais públicos do Estado


Resultado de imagem para heitor ferrer

O Deputado Estadual, Heitor Férrer (PSB) subiu à tibuna da Assembleia, na última terça-feira, 14, para denunciar, mais uma vez, a falta de insumos básicos nos hospitais públicos do Estado. 

Segundo relatos da Associação dos Médicos do Hospital Geral de Fortaleza (HGF) e de Messejana, lidos pelo parlamentar, a falta de abastecimento de materiais cirúrgicos vem acarretando a suspensão de atendimentos e cirurgias. Ele questionou a função do Instituto de Gestão Hospitalar (ISGH) na administração das unidades de saúde.

“Os médicos assistem a pessoas infartarem, sentadas numa cadeira e até morrerem, porque não tem insumo, é uma decretação de pena de morte oficial pelo governo do Ceará", protestou o parlamentar.

(DO DIÁRIO DO NORDESTE).

Agência da Caixa de Icó entra em pane e atrasa pagamento de servidores da Prefeitura


Em Icó, no Vale do Salgado, a Caixa Econômica Federal deixou os 
servidores públicos municipais sem dinheiro nas contas. Acontece que, 
mesmo a Prefeitura tendo enviado a ordem de pagamento no dia 
10 de novembro para que a unidade bancária efetuasse o crédito nas 
contas dos funcionários, até agora nada.

A justificativa do banco, em nota, é que houve uma inconsistência 
nível nacional que impossibilitou o crédito na contas dos funcionários.

Ainda no documento, enviado à Prefeitura, a unidade bancária diz que 
área de tecnologia está trabalhando na solução da demanda.

Por conta disso, a Prefeitura de Icó, tendo a frente a Prefeita Lais 
Nunes, analisa retirar, no próximo mês, a folha de servidores da Caixa, 
haja vista o tamanho descaso e constrangimento gerado aos servidores, 
à gestão municipal e ao próprio comércio local. 

O gerente da CAIXA se negou a conceder entrevista à imprensa.
(Do Iguatu Notícias, jornalista Luiz Vasconcelos).

Adicionar legenda

terça-feira, 14 de novembro de 2017

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

Na luta!

A imagem pode conter: 2 pessoas, pessoas sentadas e área interna

Chegando a Icó após um dia intenso de trabalho!

Hoje a tarde, estivemos na defesa de uma jovem, no Tribunal Popular do Júri da Comarca de Cariús, juntamente com o Dr. José Ronald Bezerra.

Júri Presidido com muita competência pela juíza Dra. Yanne Alencar; no Ministério Público, o Dr. Herbert Santos; na Assistência a Acusação, os Drs. Francisco José e Ricardo Vasconcelos.

Colégio Santo Inácio: 57 anos com educação de qualidade.


Nenhum texto alternativo automático disponível.

Como ex-aluno do Colégio Santo Inácio, em Fortaleza, me junto nesta segunda-feira(13), as justas homenagens que presta a Assembléia Legislativa do Estado do Ceará, pela passagem dos 57 anos de de fundação em nossa Capital de José de Alencar, a esta instituição extraordinária de relevantes serviços a educação dos cearenses.

Com a lembrança que tenho do nosso então diretor, Padre Pedro, extenso os parabéns a todos que fazem o Colégio Santo Inácio até os dias atuais.

sábado, 11 de novembro de 2017

Vereadores de Icó protocolam pedido de abertura de CPI.

A imagem pode conter: 1 pessoa, sorrindo, close-up
Vereador Eliseu Amâncio
Os vereadores que formam a bancada de situação na Câmara Municipal de Icó, protocolaram pedido de duas CPI - Comissão Parlamentar de Inquérito, para investigar desmandos da gestão passada.

Uma investigará os 6 mil alunos matriculados na rede pública de ensino Municipal em 2016, que sumiram em 2017, causando prejuízos em torno de 11 milhões de reais, que tem causado transtornos junto a merenda escolar e transporte de alunos.

A outra CPI investigará o suposto desvio de recursos em obras abandonadas, paralisadas, mas que foram pagas pela gestão passada em sua integridade sem a devida conclusão e entrega dos equipamentos públicos aos cidadãos icoenses.

"O que já vimos até agora nos assusta pelo desvio de conduta. Vamos investigar e enviar tudo ao Ministério Público Estadual e Federal", disse o vereador Eliseu Amâncio, líder da bancada da prefeita na Câmara de Vereadores de Icó.

sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Pauta adiada!

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas sentadas e pessoas em pé

Por motivo superveniente, o júri desta sexta-feira, 10, foi adiado.

Os estudantes de direito, caso queiram participar, foi agendado para o dia 23 de novembro, as 9h, no auditório da Secretaria Municipal do Trabalho e Assistência Social de Icó, a nova sessão de julgamento.

Na foto, com o Juiz-Presidente do Tribunal Popular do Júri da Comarca, Dr. Francisco Ireilton Bezerra Freire, e o Diretor de Secretaria, bel. Raimundo Erlândio.

Prefeira cumpre agenda institucional em Fortaleza

A imagem pode conter: 3 pessoas, pessoas sorrindo, pessoas em pé e área interna
NETO NUNES - LAÍS NUNES - MAURO FILHO
A prefeita de Icó, Laís Nunes, cumpriu extensa agenda institucional em Fortaleza, na última quinta-feira, 9.
Na Secretaria das Cidades do Estado do Ceará, acompanhada de seu esposo e ex-deputado Neto Nunes, tratou de várias pendências em projetos e acerca de obras paralisadas no Município de Icó desde a gestão passada.

Com o Secretário da Saúde, Henrique Javi, a prefeita apresentou uma pauta de reivindicações, inclusive, que sejam alocados mais recursos para a compra de remédios.
Em relação a grave crise hídrica que passa o município, Laís Nunes também esteve em audiência no Departamento Nacional de Obras Contra as Secas - DNOCS, para tratar de perfurações de novos poços profundos.
"Estivemos também com o Deputado e Secretário da Fazenda Estadual, Mauro Filho, onde pleiteamos recursos para melhorar os nossos bairros em várias áreas de infraestrutura", disse Laís Nunes.

Crise hídrica em Icó

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, atividades ao ar livre e comida
A imagem pode conter: 1 pessoa, céu e atividades ao ar livre
O Governo do Estado do Ceará, através da COGERH, em parceria com a ADICOL e SAAE, retornou o bombeamento do sistema de transposição do Açude Orós à Lima Campos, com o uso do flutuante reposicionado por acionamento com gerador.
Ainda está em uso apenas uma bomba, movimentando em torno de 400 litros de água por segundo.
A Adicol está esperando que seja colocado pra funcionar as duas novas bombas e a ligação urgente por parte da ENEL/Coelce da energia no local.
As informações foram confirmadas por Alex da Adicol.
Esse bombeamento está sendo feito para garantir o abastecimento de água dos munícipes icoenses.

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Nota 10

A imagem pode conter: comida

A indústria icoense de SUCOS TOMIX recebe nota máxima em conceito e qualidade, e já está sendo comercializado em quase todo o Nordeste.

A empresa fica localizada na Rodovia Estadual Tarcísio Monteiro (CE-282), no Conjumto Gama, gerando dezenas de empregos diretos e centenas indiretos.

A indústria é administrada pelos empresários Aroldo Nunes e Vanigna Olímpio.

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

ELEIÇÃO ESTADUAL DE 2018 JÁ É O CARDÁPIO DO CAFÉ, ALMOÇO E DO JANTAR.

FOTO: ARTHUR LUIZ
Assim como na Copa do Mundo, as eleições estaduais só eram movimentadas a cada quatro anos, e às vezes, na antevéspera das convenções que escolhiam os cargos a mandatos majoritários e proporcionais, à peleja do pleito, após as solenidades formais.

Bem, era assim, era...!

Hoje, praticamente a um ano das eleições que escolherão um Presidente da República e vice; senadores, deputados federais e estaduais; governador e vice, idem, os parlamentares de cada estado da federação, todos já sabem quem serão os homens da luta do povo, e, pasme, até a listagem dos eleitos de ponta a ponta, com a maior votação e dos que sentarão na cadeira(Assembleia e câmara) por designação da repartição do quociente eleitoral.

Na discussão jurídica, muitos passeiam no campo da propaganda e eleição antecipadas, porém, na prática nunca vi um líder político sequer ter conseqüência por essa suposta candidatura precoce; afinal, a tendência de quem se lança cedo no jargão partidário(e das ruas), na mesma conseqüência, é de se cansar mais rápido também. Digamos que, na parêmia popular, é considerado tal qual um “Cavalo Paraguai”.      

Como sou afeito, também, da discussão política cotidiana, faço parte de algumas dezenas de grupos de WhatsApp, em que até os possíveis suplentes já estão identificados hoje. E anote: já declararam todos os eleitos as eleições de 2018, com a proclamação dos resultados, et cétera e tal.

Existem também, os mais afoitos, que escolhem os seus próprios candidatos; os seus adversários, e até quem não pode e nem deve ser candidato, por hipótese alguma.

Como diria meu primo, eterno vereador de Icó, França do Picolé, “aí já é demais!”.

Enquanto isso, em seu exílio democrático, o ex-governador do Ceará, Cid Gomes, entra na onda da precocidade da disputa, e se coloca como pré-candidato ao Senado da República e, de igual sorte, anuncia que a “Segunda Vaga” a pisar, novamente, no tapete azul de Brasília, em uma coligação que poderá envolver o PT, PDT e PMDB, deva ser de Eunício Oliveira.

Pois bem, Cid Gomes também é profeta da precocidade, fala em SEGUNDA vaga, pois, a PRIMEIRA como diz o próprio, é dele mesmo.

Ora bolas, está certo o Cid, quem faz propaganda de graça é o verdureiro Antonio Batista do Icó, que ao pagar anúncio em uma rádio icoense, anuncia: “A minha banca fica ao lado do Armazém Paraíba”.

E quem desejar ser o Cavalo Paraguai do pleito, que amarre a sela, pois segundo minha profecia do apocalipse - o povo, em 2018 estará mais cabreiro do que a “Burra Tentação”, nos secos campos do sítio Nova Itabira às margens da BR-116.

O que vale mesmo é a luta das idéias!

(Por Fabrício Moreira da Costa, advogado e contista).  
Postagens mais antigas → Página inicial
Copyright © FABRÍCIO MOREIRA DA COSTA | Powered by Blogger Design by RaffaelNojosa | Blogger Template RN Solucões em designer