O BLOG QUE FALA SÉRIO! fabriciomoreiraadv@gmail.com .

quinta-feira, 25 de junho de 2015

CIZOTA E O SINO DA CADEIA DE ICÓ.

Durante muitos anos funcionou em Icó, na Casa de Câmara, no centro histórico da cidade, a cadeia pública que abrigava aqueles que feriam o ordenamento jurídico penal.

Presos provisórios ou condenados ficavam por uns bons períodos ali trancafiados.

Além de chamar a atenção por sua beleza arquitetônica, com arquitetura neoclássica, a cadeia icoense tinha algo de muito pitoresco e histórias marcantes.

Francisco Cizota Tavares - o Cizota (Agente Prisional), contava lances imaginários e verdadeiros.
Dentre os quais, que o “sino” posto na entrada do ergástulo nunca poderia ser tocado, pois era prenúncio de mortes e violência.

O carcereiro Cizota também chamava pra si algo de diferente, principalmente, por ter em seu poder(na cintura) a “chave da cadeia”, que pesava vários quilos e era enorme.

O comportamento do preso, repassado ao juiz da comarca era feito verbal, pois Cizota escrevia poucas linhas.

Cizota Tavares foi-se da vida terrena, mas virou marco de nossa cultura e história popular recentes.

- Foto: Alexia.

(Por Fabrício Moreira da Costa).

← Postagem mais recente Postagem mais antiga → Página inicial

0 comentários:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Copyright © FABRÍCIO MOREIRA DA COSTA | Powered by Blogger Design by RaffaelNojosa | Blogger Template RN Solucões em designer