quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Agenor Neto reivindica providências na Promotoria de Justiça e Defesa da Saúde Pública no Ceará.


A promotora de Justiça Isabel Porto, da Promotoria de Justiça e Defesa da Saúde Pública do Estado do Ceará, recebeu em audiência, nesta quarta-feira, 12, na sede do órgão em Fortaleza, o Deputado Agenor Neto; o prefeito de Iguatu, Aderilo Alcântara; Dr. Carlos Garcia, secretário de políticas públicas e os advogados Tibério Cavalcante e Fabrício Moreira, onde foi novamente debatido a difícil situação financeira para manter o Hospital Regional de Iguatu, que hoje atende nove municípios da região Centro-Sul.

A prefeitura de Iguatu tem investido sozinho, mensalmente, cerca de 700 mil reais para com o hospital, assumindo praticamente todas as responsabilidades com a saúde regional.

O prefeito Aderilo Alcântara, deseja que proporcionalmente, os municípios da região ajudem a custear as despesas para com o hospital de acordo com os atendimentos realizados e o Estado aumente os repasses de forma significativa.

"O correto mesmo seria que o Estado do Ceará assumisse o hospital por completo, assim como já faz em Sobral, Juazeiro do Norte e outros municípios", registra Agenor Neto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.